outras notícias
-
© Newspix/Rex Features
Jorn Utzon (1918-2008)
04.12.2008
Jorn Utzon faleceu no passado dia 29 de Novembro. Contava 90 anos.

Prémio Pritzer 2003 e Royal Gold Medal for Architecture em 1978, entre outras distinções, Utzon é amplamente reconhecido como um dos mais importantes arquitectos mundiais da segunda metade do século XX. Nasceu em Copenhaga em 1918, estudou na Real Academia Dinamarquesa de Belas Artes entre 1938 e 1942 sob orientação de Kay Fisker e Steen Eiler Rasmussen, viajou com bolsas de estudo pelo Mediterrâneo, pelo México e pelos Estados Unidos, onde foi visita do Taliesin de Frank Lloyd Wright no Arizona. Recusando permanecer numa Dinamarca ocupada pelos nazis, trabalhou na Suécia com Poul Hedquist e Gunnar Asplund e, após a 2ª guerra mundial, com Alvar Aalto, estabelecendo-se por conta própria em 1950. Muitos jovens arquitectos, como Rafael Moneo, passaram pelo seu atelier.
Na melhor tradição nórdica, desenhou edifícios, mobiliário, candeeiros e serviços de pratos e de copos, por vezes com a sua mulher Lin Utzon. Muitas e distintas são as fontes da sua inspiração: os cascos dos iates que o seu pai desenhava, a arquitectura pré-colombiana (tal como Wright), os castelos do seu país natal ou o trabalho dos mestres europeus.

Entre as suas obras mais conhecidas, destaca-se a paradigmática Ópera de Sydney, objecto de concurso internacional em 1957 que Utzon ganhou com apenas 38 anos. Inaugurada em 1973, após longa controvérsia que inviabilizou parte do projecto, a Ópera de Sydney tornou-se no mais emblemático edifício da cidade, graças à monumental estrutura de 14 conchas - conceptualizada a partir de secções complexas sobre uma esfera que o autor dizia inspiradas no acto simples de descascar uma laranja - assente numa plataforma marítima que continua e redesenha um dos promontórios sobre a baía da cidade. Para os olhos do mundo, para os próprios australianos, a Ópera passou a ser o principal ícone urbano de Sydney. A cidade não voltou a ser a mesma.

Porém, Utzon nunca viu a Ópera concluída e não mais voltou à Australia após 1966. Aliás, apenas nos últimos anos foi ultrapassada a malaise entre o arquitecto e as autoridades australianas, simbolizada no acto de entrega, em 2003, das chaves da cidade de Sydney, bem como por um vasto conjunto de homenagens públicas. Utzon - e os seus dois filhos arquitectos - regressou então ao projecto do edifício, desenhando uma nova adição e novos interiores inaugurados em 2006.
O edifício da Ópera de Sydney foi inscrito, em 2007, na lista do Património Mundial da UNESCO.

Jorn Utzon sobreviveu ao trauma de Sydney. Disso são testemunhos a Igreja de Bagsvaerd na Dinamarca (1968-76) ou o Parlamento do Kuwait (desenhado em 1971, concluído em 1983 e reconstruído em 1993), que registam a monumentalidade cívica que caracteriza muita da obra do autor, bem como a força e pureza escultóricas das grandes obras-primas marginais a qualquer tipo de classificação.
Idêntica marginalidade está presente na primeira casa que Utzon desenhou para si e para a sua família em Mallorca, onde passou muitos anos da sua vida. Sobre o mediterrâneo, a casa é uma acrópole doméstica que reflecte as suas ideias arquitectónicas, na estreita simbiose com o contexto, na despojada pretensão clássica, na fluidez marítima dos espaços partilhados, na dignidade da sua escassa materialidade.

Para alguns, este pequeno testamento de vida é insuficiente para alguém tantas vezes comparado a Louis Kahn e de quem tanto se esperava em termos de legado para o próprio mundo da arquitectura. Para outros, talvez para a maioria, trata-se possivelmente de uma outra lição de dignidade. Utzon desdenhava a arquitectura como negócio e evitava as encomendas múltiplas em distintos lugares do planeta. Recusou várias. E com elas recusou uma certa forma de sucesso profissional tão em voga nos nossos dias.

Pelo seu exemplo como arquitecto e como cidadão, a Ordem dos Arquitectos presta a Jorn Utzon a merecida homenagem.

João Belo Rodeia


(Para mais informações sobre o arquitecto, clique aqui)
Subscrever E-Newsletter



 

BA

JA

mais

 

Encontre um Arquitecto
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX CONHECER 1(-)1 13 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA
CUPÃO UNIVERSAL