notícias da OA
-
OA no 10º Congresso da União Africana de Arquitectos
18.06.2011
Entre 14 e 17 de Junho, decorreu no Centro de Congressos de Talatona, em Luanda (Angola), o 10º Congresso da União Africana de Arquitectos, reunido sob o lema Africa Glocal Architecture e organizado pela Ordem dos Arquitectos de Angola.

O Congresso contou com a participação de cerca de cem delegados de 25 Países de África, incluindo alguns dos membros africanos do CIALP (Angola, Cabo-Verde e São Tomé e Príncipe) e de uma delegação da UIA/ União Internacional de Arquitectos. A abertura ficou marcada pelos discursos do Ministro do Urbanismo e Construção, Fernando Fonseca, da Vice-Governadora de Luanda, Arqª Carla Leitão Ribeiro, do Presidente da União Africana de Arquitectos, Arqº Seif Allah Alnaga (Egipto) e do Bastonário da Ordem dos Arquitectos de Angola, Arqº António Gameiro.

Entre os sub-temas abordados contaram-se a geo-urbanidade, sistemas e redes, habitats e culturas, habitação, identidade e arquitectura, assim como um particular enfoque sobre as problemáticas do planeamento urbanístico, da cidade, da habitação, das infraestruturas e da sustentabilidade em Angola.

Pela primeira vez, a convite da organização, a Ordem dos Arquitectos esteve presente no Congresso, tendo o Presidente da OA apresentado comunicação sobre a Identidade na Arquitectura Contemporânea.

Também a convite da organização, outros palestrantes portugueses marcaram presença, entre os quais o Arqº Gonçalo Byrne (conferência de abertura), a Arqª Manuela Fonte (conferência sobre os Planos de Urbanização em Angola até 1975) ou o Arqº Fernão Simões de Carvalho (conferência sobre o Plano Director de Luanda de 1962, do qual é autor). Aliás, o Arqº Simões de Carvalho, natural de Luanda, foi particularmente homenageado durante a sua estada em Luanda, tendo visitado alguns dos edifícios que são da sua autoria.

No final do Congresso foi escolhida a nova direcção da União Africana de Arquitectos, tendo sido eleito o Arqº Takunbo Omisore, da Nigéria, como novo presidente da organização e o Arqº Victor Leonel Miguel, de Angola, como um dos seus vice-presidentes (Região Sul).

A União Africana de Arquitectos foi criada na Nigéria em 1981 e tem por finalidade "unir os arquitectos de África para além da nacionalidade, raça, religião ou doutrina", federando as organizações profissionais nacionais de arquitectos africanos. Agrupa hoje organizações de 27 Países, representando cerca de 35 000 arquitectos. Mantém laços próximos com a União Internacional de Arquitectos e, em 1987, tornou-se membro observador da Organização de Unidade Africana.

Para mais informações, por favor clique aqui.

Subscrever E-Newsletter



 

BA

JA

mais

 

Encontre um Arquitecto
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX CONHECER 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA
TERÇAS TÉCNICAS