agenda
-
Eco-eficiência dos materiais de construção
18.11.2011
Este curso permite a obtenção de 2 créditos em Temáticas Opcionais de Ingresso na Ordem dos Arquitectos.
Data 13 de Dezembro

Duração 8 horas | Horário: 09h30 – 18h30

Local Sabóia Estoril Hotel

Valor 250€ + IVA
- Inclui o Livro "A Sustentabilidade dos Materiais de Construção" do Eng.º Fernando Torgal

Inscrições Até 2 de Dezembro

Formador Eng.º Fernando Pacheco Torgal

Objectivos gerais
Compreender a especificidade do contributo fundamental dos materiais no contexto da construção sustentável, em termos técnicos, regulamentares e prospectivos

Objectivos específicos
- Dar a conhecer o futuro papel dos materiais de construção num contexto de uma construção mais sustentável.
- Acompanhar a prossecução das metas fixadas pela União Europeia no sentido da redução do consumo de energia e de diminuição de resíduos para o parque edificado.
- Relativizar a importância de algumas ferramentas de avaliação da sustentabilidade da construção.
- Alertar para a ineficiência e redundância de alguns instrumentos legislativos.
- Explorar os seguintes normativos:
> Decreto-Lei nº 181/2006, de 6 de Setembro
> Decreto-Lei nº 266/2007, de 24 de Julho
> Decreto-Lei nº46/2008, de 12 de Março
> Portaria nº 417/2008, de 11 de Junho
> Directiva Nº 2008/98/CE
> Especificações do LNEC E472-2006, E473-2006, E474-2006

Conteúdos programáticos

Módulo I
ENQUADRAMENTO DOS CONSTRANGIMENTOS AMBIENTAIS DO PLANETA TERRA
- Desenvolvimento sustentável e construção sustentável.
- Limitações das ferramentas para aferição da sustentabilidade do parque edificado.
- Descrição dos principais impactos ambientais associados à produção de materiais de construção.

Módulo II
TOXICIDADE DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO
- Descrição de toxicidade em tintas, vernizes e materiais para protecção de madeiras.
- Teor máximo de COV nos termos do Decreto-Lei nº 181/2006, de 6 de Setembro.
- Toxicidade de materiais plásticos e colas sintéticas.
- Toxicidade de isolamentos térmicos em caso de incêndio.
- Análise da toxicidade do radão.
- Influência da taxa de renovação do ar interior na toxicidade do radão.
- Descrição de materiais contendo amianto, valor limite de exposição segundo o Decreto-Lei nº 266/2007, de 24 de Julho, formas de reciclagem de materiais com amianto.
- Toxicidade de tubagens de abastecimento de água em chumbo, limites regulamentares, descrição de técnicas de reabilitação.
- Importância dos ensaios de lexiviação e eco-toxicidade na aceitação de materiais contendo resíduos.

Módulo III
CONTRIBUTOS DOS MATERIAIS PARA A REDUÇÃO DO CONSUMO DE ENERGIA
- Descrição dos constrangimentos energéticos em Portugal.
- Influência da energia incorporada nos materiais relativamente ao consumo energético global do parque residencial.
- Isolamentos térmicos correntes versus isolamentos de elevado desempenho.
- Características dos materiais de mudança de fase na atenuação dos picos da temperatura no interior das habitações.

Módulo IV
NACIONAL E INTERNACIONAL
- Enquadramento internacional dos resíduos de construção e demolição (RC&D).
- Os RC&D segundo a Lista de Europeia de resíduos.
- Regulamentação em Portugal, Decreto-Lei nº 46/2008, de 12 de Março, Portaria nº 417/2008, de 11 de Junho, Especificações do LNEC E472-2006, E473-2006, E474-2006.
- Novos limites de reciclagem até 2020 segundo a Directiva 2008/98/CE Aspectos gerais do plano de prevenção e gestão de RC&D.
- Formas de quantificação de RC&D.
- Enquadramento da desconstrução e princípios da demolição selectiva.

Módulo V
REDUÇÃO DOS IMPACTOS AMBIENTAIS DAS ARGAMASSAS E DOS BETÕES
- Importância da substituição do cimento por aditivos pozolânicos.
- Tipos de cimentos.
- Influência dos aditivos pozolânicos nas propriedades e na durabilidade do betão.
- Substituição de agregados naturais por resíduos industriais.
- O caso dos agregados reciclados segundo a especificação do LNEC E 471, de Setembro de 2006.
- O caso dos betões betuminosos segundo a especificação do LNEC E 472, de Maio de 2006.
- Descrição das vantagens dos gessos sintéticos.
- Introdução aos ligantes geopoliméricos.

Módulo VI
TENDÊNCIAS PARA A ECO-EFICIÊNCIA DAS ALVENARIAS
- Redução dos impactos ambientais de alvenarias.
- Utilização de tijolos e blocos com resíduos industriais. Novos formatos.
- Alvenaria com funções divisórias versus alvenaria com funções estruturais.

Módulo VII
VANTAGENS E DESVANTAGENS DA CONSTRUÇÃO EM TERRA
- Técnicas construtivas.
- Caracterização e estabilização de solos.
- Propriedades, durabilidade e vantagens ambientais da construção em terra.

Módulo VIII
SUSTENTABILIDADE E DURABILIDADE
- Descrição dos factores de degradação das estruturas de betão.
- Protecção e reparação electro-química.
- Critérios para a utilização de argamassas de reparação de betão.

Módulo IX
IMPORTÂNCIA DA NANOTECNOLOGIA PARA A SUSTENTABILIDADE DOS MATERIAIS
- Materiais auto-limpantes.
- Materiais que reduzem a poluição do ar.
- Materiais com capacidade bactericida.

Módulo X
AVALIAÇÃO DO IMPACTO AMBIENTAL DOS MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO
- Rotulagem ecológica e EPD.
- Vantagens e limitações.

Solicite a sua ficha de inscrição para inespereira@about.pt

Para mais informações por favor contacte
Tel. 218 806 148
jornalarquitecturas@about.pt

Documentos

Subscrever E-Newsletter



 

BA

JA

mais

 

Encontre um Arquitecto
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX CONHECER 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA