agenda
-
O Centro Histórico no Novo Paradigma Urbano . Congresso Internacional
18.03.2014
2 e 3 de Abril
Os Centros Históricos carregam uma forte conotação com a identidade cultural das comunidades, e a sua expressão reflecte-se nas características da sua morfologia urbana, do seu edificado e na apropriação do espaço por parte da população. Neste contexto, os Centros Históricos têm sido estudados e protegidos enquanto estruturas patrimoniais que testemunham a memória colectiva dos povos, que materializam a sua relação primordial com o território, e que configuram uma espécie de matriz genética do seu desenvolvimento.

Hoje, as sociedades confrontam-se com um cenário de crescimento e de uma profunda transformação da realidade urbana, onde o processo de globalização tem conduzido à uniformização das vivências e dos modos de vida de quem habita os espaços das cidades, e onde as circunstâncias soció-económicas foram ditando o afastamento e o esvaziamento dos seus centros. Neste novo paradigma civilizacional emergente, os núcleos e centros históricos tendem, tantas vezes, a constituir-se como espaços cristalizados na forma de objectos de consumo turístico e como pólos de segregação, distanciados e desarticulados da realidade das outras cidades que se desenvolvem à sua volta e das quais, um dia, foram o seu núcleo fundador.

É necessário reflectir sobre o papel que os núcleos e centros históricos assumem no actual processo de desenvolvimento e crescimento urbano. Serão estes núcleos e centros, lugares paralelos que concorrem, funcionalmente desarticulados, e em tempos diversos, com as cidades de que fazem parte? Ou, pelo contrário, serão lugares que permitem, ou devem permitir, (re)questionar a cidade contemporânea através dos valores que neles se identificam e com os quais, eventualmente, também queremos continuar a identificar?

Neste cenário, paradigmaticamente diverso, propõe-se questionar a importância e o papel destes lugares primordiais no natural processo de evolução da cidade e, nomeadamente, na percepção que culturalmente sempre tivemos enquanto organismo em permanente transformação e renovação.


PROGRAMA

Dia 1
2 de Abril de 2014


09h00 Recepção aos Participantes
09h30 Sessão de Abertura
10h00 Conferência Inaugural
coffee break
11h30 1ª Sessão Plenária (Keynote Speaker Tema I)
13h00 Almoço
14h30 Apresentação de Comunicações (Tema I)
coffee break
16h30 Apresentação de Comunicações (Tema I)


Dia 2
3 de Abril de 2014


09h30 2ª Sessão Plenária (Keynote Speaker Tema II)
coffee break
11h00 Apresentação de Comunicações (Tema II)
13h00 Almoço
14h30 Apresentação de Comunicações (Tema II)
coffee break
16h30 Apresentação de Comunicações (Tema II)


Dia 3
4 de Abril de 2014


09h30 3ª Sessão Plenária (Keynote Speaker Tema III)
coffee break
11h00 Apresentação de Comunicações (Tema III)
13h00 Almoço
14h30 Apresentação de Comunicações (Tema III)
coffee break
16h30 Apresentação de Comunicações (Tema III)


Dia 4
5 de Abril de 2014


Visita de estudo (lugar a definir). Partida de autocarro, da ULHT, às 9h30.

Toda a informação

Página do facebook




Subscrever E-Newsletter



 

BA

JA

mais

 

Encontre um Arquitecto
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX CONHECER 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA
HOMEING