concursos internacionais
-
Resilient Homes Design Chalenge
09.10.2018
O Banco Mundial, a Build Academy, o Airbnb e o Fundo Global para Redução e Recuperação de Desastres (GFDRR) lançaram um desafio de “crowd-solving” global para desenhar Casas Resilientes. O objectivo deste desafio é gerar propostas para pequenas casas sustentáveis e de baixo custo (abaixo de US $ 10.000) para pessoas que vivem em áreas vulneráveis afectadas por desastres naturais. O prazo para o envio das propostas é 30 de Novembro de 2018.

Os desastres naturais estão em ascensão. Desde 1990, afectaram cerca de 217 milhões de pessoas por ano. Centenas de inundações, tempestades, ondas de calor e secas deixaram cerca de 606 mil pessoas mortas e 4,1 bilhões feridas ou desalojadas em todo o mundo desde 1995. No rescaldo do furacão Maria do ano passado, que afectou o país insular caribenho de Dominica, apenas 11% do total das habitações da ilha permaneceu intacto. Nestes casos, muitas das vezes, são os mais pobres que sofrem mais com esses choques.

Nós temos a oportunidade de mitigar estes efeitos com soluções que minimizem o seu impacto, salvem vidas e ajudem as comunidades a recuperarem mais rapidamente. Procuram-se arquitectos, engenheiros, designers e trabalhadores humanitários para colaborarem e ajudarem a desenvolver habitações resilientes, modulares, de baixo custo e sustentáveis, que possam reduzir o risco de perigo durante as catástrofes naturais e ao mesmo tempo permitam uma rápida reconstrução após um desastre.

Podem participar neste desafio individualmente ou em equipas a partir de qualquer parte do Mundo. Não há taxa de inscrição para participar.

O desafio foi planeado para três cenários:
● Cenário 1: países insulares afetados por terremotos, tempestades e inundações;
● Cenário 2: áreas montanhosas e interiores afetadas por terremotos e deslizamentos de terra;
● Cenário 3: áreas costeiras afetadas por tempestades e inundações.

As propostas podem contemplar apenas um cenário ou os três diferentes cenários, não há limite de propostas por equipa.
As equipas são incentivadas a olhar para além dos designs de casas “totalmente pré-fabricadas”, incorporando materiais e técnicas de construção locais nos seus projectos. As propostas podem ser “parcialmente pré-fabricadas”, com objectivo claro em relação à facilidade de execução e ao baixo custo de construção.

Os vencedores serão anunciados a 14 de Dezembro de 2018, após cuidadosa revisão por um júri internacional de especialistas altamente conceituado. As propostas vencedoras serão publicadas e os vencedores serão convidados a expor no Banco Mundial em Washington DC, EUA e outros locais posteriormente seleccionados. Os projectos vencedores poderão eventualmente contribuir para complementar o trabalho de reconstrução de habitações resilientes nos projectos financiados pelo Banco Mundial em lugares como o Caribe, Sul e Leste da Ásia, etc.

Para participar do desafio e para mais informações, visite: http://www.ResilientHomesChallenge.com

Organizações de parceria: Banco Mundial, Build Academy, Airbnb e GFDRR
Contacto: Ivan R. Shumkov PhD CEO and Founder Build Academy ivan@buildacademy.com
Saurabh Dani Sr. Disaster Risk Management Specialist The World Bank sdani@worldbank.org



Subscrever E-Newsletter



 

TSF

JA

mais

 

VAILLANT C
OA
OASRN OASRS HABITAR PORTUGAL IAP20 OAPIX CONHECER 1(-)1 CONGRESSO DOS ARQUITECTOS PORTAL DOS ARQUITECTOS
CAE CIALP DoCoMoMo FEPA UIA